LIPOASPIRAÇÃO

Vídeo explicativo

Folder informativo


LIPOASPIRAÇÃO

A lipoaspiração é um tratamento cirúrgico que se baseia na remoção das células gordurosas (adipócitos) que se acumularam, em uma ou mais regiões, não havendo entretanto flacidez exagerada de pele.
A Lipoaspiração é uma técnica em cirurgia plástica que possibilita a retirada de gordura localizada. Através de pequeno orifício de +/- 1,5 cm próximo a região, introduz-se uma cânula (+/- 3 mm de diâmetro) e por movimentos de vai-e-vem retira-se a gordura.
Pelo  tamanho da incisão e sua localização bem camuflada, na maioria das vezes, após um período indispensável de maturação das cicatrizes (6 a 12 meses), restarão cicatrizes pouco perceptíveis.
Obviamente, a lipoaspiração não é um tratamento para a obesidade nem para o excesso de gordura generalizado por todo o corpo. Essa cirurgia visa tratar os acúmulos gordurosos bem localizados. Para isso utilizamos um sistema de Lipoaspiração ultrassônica com moderno aparelho suíço que mantêm a pressão de aspiração controlada.
Hoje, com os avanços obtidos neste procedimento, considera-se que todas as regiões do corpo são adequadas para este tratamento, desde que existam condições básicas: acúmulo gorduroso e pele com pouca ou nenhuma flacidez. Entretanto, somente um exame bem feito por especialista habilitado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), pode determinar a oportunidade ou não da cirurgia.

A Lipoescultura, trata-se da retirada de gordura de algumas áreas mais proeminentes para injeção da mesma em regiões com depressão ou falta de volume. A lipoenxertia (injeção de gordura) nos glúteos vem sendo muito utilizada para aumento dessa região e pode ser realizada conforme vontade da paciente e indicação do cirurgião plástico.
Qualquer pessoa pode se submeter a lipoaspiração desde que se enquadre nas condições acima referidas e esteja com boa saúde.
Atualmente já está bem definido que os adipócitos (células gordurosas) só se multiplicam até a puberdade. Depois deste período, elas somente aumentam de volume. Portanto, na lipoaspiração, ao se removerem estas células em excesso (não havendo multiplicação das mesmas), não haverá retorno dos acúmulos inestéticos. Entretanto, se a pessoa não se cuidar, ela irá engordar normalmente, ficando livre apenas dos acúmulos exagerados e localizados.
A gordura aspirada não retorna, pois o número de células diminui e as restantes não se multiplicam.
Se temos um volume X e deixamos Y sempre será mantido esse mesmo volume Y. Mesmo que o(a) paciente engorde será diferente se tivesse todas as células originais.

A lipoaspiração não é uma substituição de cirurgias convencionais, porém um recurso a mais para proporcionar os melhores resultados aos pacientes. A lipoaspiração freqüentemente é associado a outras cirurgias. Somente o exame adequado irá indicar a validade ou necessidade dessa associação.
Hoje em dia as cânulas utilizadas são finas, tornando as chances de complicações menores e os resultados muito melhores.

 

PRÉ–OPERATÓRIO

 
Além dos exames de rotina que são solicitados pelo Cirurgião, é recomendado ao paciente:
Não tomar nenhuma medicação que contenha ácido acetil salicílico (AAS, Rhodal, Buferin, Aspirina, etc. ) 1 semana antes e após a cirurgia, porque aumenta o sangramento.
Evitar medicamentos para emagrecer por 15 dias antes da cirurgia.
Parar com anticoncepcional 30 dias antes da cirurgia.
Parar de fumar 1 mês antes e um mês depois da cirurgia.
Providenciar cinta (modelador)
Providenciar meias elásticas de média compressão
Providenciar espuma compressiva
As meias e o uso do aparelho de compressão da perna, são importantes na prevenção da trombose venosa e devem ser usadas de rotina nesse tipo de cirurgia para realizar a drenagem venosa que faz a compressão da perna.
drenagem linfática e massagens.

POS–OPERATÓRIO

1 – Dor
A cirurgia é pouco dolorosa, permanecendo uma sensação de pele traumatizada por uma batida.
2 – Alimentação
Alimentação normal.
3 – Equimoses
Poderá apresentar equimoses (roxos) que irão ser absorvidos dentro de 7 a 30 dias.
4 – Modelador (malha ou cinta)
O modelador deve ser usado dia e noite por um período de 90 dias, pois, além de dar uma sensação de conforto, evita o edema (inchaço) acentuado e permite que a pele faça uma aderência adequada.
5 – Sol
Não se expor ao sol por 60 dias.
6 – Drenagem Linfática
A drenagem linfática ajuda a diminuir o edema mais rapidamente e ao mesmo tempo ajuda a absorver as equimoses dando sensação de alívio e conforto.

 

ANESTESIA

Para regiões do abdome e partes inferiores, dá-se preferência à anestesia peridural com sedação. Para regiões mais altas, utiliza-se a anestesia geral. O mais importante é saber que um bom anestesiologista é quem garante a segurança da anestesia e não o tipo de anestesia utilizado.
O tempo de duração da cirurgia é aquele necessário para se proporcionar o melhor resultado para o paciente.
As complicações deste tipo de cirurgia são as mesmas de qualquer outra cirurgia. A lipoaspiração, se conduzida adequadamente por um cirurgião experiente, raramente sofre complicações.
Os acúmulos líquidos, chamados de seromas, raramente acontecem mas se aparecerem, serão tratados no próprio consultório. O mais importante, em tudo isto, é que o paciente não faça fantasias exageradas a respeito da lipoaspiração pois isto pode levar a frustrações.

RESULTADO FINAL

Toda cirurgia apresenta um período próprio de recuperação. Dê tempo ao tempo que o seu organismo se encarregará de dissipar todos estes pequenos transtornos que infalivelmente chamarão a atenção de alguma pessoa estranha, que não se furtará à observação: “Será que isto vai desaparecer?”. É evidente que toda e qualquer preocupação de sua parte, deverá ser a nós transmitida. Daremos os esclarecimentos necessários para sua tranquilidade.

A princípio, pelo edema pós operatório, o resultado aparece pouco. Assim que vai “diminuindo o inchaço” e havendo maior acomodação da pele, as áreas tomam consistência normal o resultado vai se notando cada dia mais, principalmente após o 2º mês.
O resultado definitivo consideramos a partir de 6 meses. Deve, então, ser feita nova fotografia e analisado o resultado. Qualquer irregularidade será avaliada a necessidade da realização de um complemento.

 

Em caso de dúvidas contate sempre nossa equipe.

Sociedade Brasileira de Cirurgia PlásticaFMBUPMCNew York UniversitySBACVUniversidade Estadual de LondrinaColégio Brasileiro de Cirurgiões